Unimep debate petróleo em Piracicaba

No mês de outubro, a 2ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental percorre 17 cidades no estado de São Paulo, exibindo filmes de diversas nacionalidades que abordam temáticas variadas sobre água, cidades, contaminação, economia, globalização, mobilização e povos e lugares.

Em vários espaços serão promovidos debates após a exibição de algumas produções, proporcionando oportunidade de conferir filmes que reúnem qualidade cinematográfica e análise de questões ambientais e facilitando o acesso a discussões que muitas vezes fazem parte do cotidiano das pessoas sem que elas tenham oportunidade de refletir sobre isso.

A Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep) exibe, no dia 21 de outubro, a partir das 20h, o filme Petróleo: o grande vício, seguido de debate. Produção franco americana de 2011, o filme mostra os bastidores do pior vazamento de petróleo da história, causado pela Deepwater Horizon. Ao expor as causas do vazamento de óleo e o que realmente aconteceu depois que as câmeras de televisão deixaram a região, os cineastas Josh e Rebecca Tickell revelam uma vasta rede de corrupção.

Cena de "Petróleo: o grande vício"

Cena de “Petróleo: o grande vício”

Criada em 2012 com o objetivo de chamar a atenção para questões de meio ambiente, sustentabilidade, cidadania, governança, participação e políticas públicas, a Mostra oferece oportunidade de conferir filmes que reúnem qualidade cinematográfica e análise de questões ambientais, facilitando o acesso a discussões que muitas vezes fazem parte do cotidiano das pessoas sem que elas tenham oportunidade de refletir sobre isso.

2a Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental – Itinerância é uma realização da ONG Ecofalante e do Sesc, e conta com apresentação da Mondelēz e patrocínio do Instituto Votorantim e White Martins. O projeto é realizado com apoio do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria da Cultura, Programa de Ação Cultural 2012.

Advertisements